Tipos de bonsai existentes

Estilos de bonsai

Os bonsai apresentam-se nos mais variados tamanhos e estilos, estando divididos em quatro principais modelos – tronco único e erecto, tronco projectado para baixo, tronco composto e raízes. Descubra as diferenças e escolha o seu preferido!

Tachi-Gi – Tronco Único e Erecto

 

Bonsai Chokkan – Vertical formal

Chokkan – Vertical formal

Por ser a forma mais básica de um bonsai, é aquela que se recomenda aos principiantes. Devido às suas proporções equilibradas – tronco recto, características arredondadas, ramos que vão abrindo de cima para baixo, sendo mais compridos na base para criar um efeito horizontal muito agradável.

 

Bonsai Shakan – Inclinado

Shakan – Inclinado

A posição natural das árvores é voltada para onde está a luz ou inclinada porque os ventos a empurraram de forma contínua… assim é este bonsai. O tronco é direito, mas inclinado a partir da base, estando as raízes afastadas de um lado e comprimidas do outro, para apoiar a pequena árvore.

 

Bonsai Moyogi – Vertical informal

Moyogi – Vertical informal

Apesar de muito semelhante ao estilo direito e formal, principalmente porque o topo do bonsai também está posicionado sobre a base do tronco, este modelo permite algumas curvas, com ramos estendidos nas mesmas direcções. O resultado é um efeito dinâmico e de movimento.

 

Bonsai Fukinagashi – Varrido pelo vento

Fukinagashi – Varrido pelo vento

Tal como o próprio nome indica, o bonsai está inclinado para um lado, enquanto o ramo mais próximo da base está voltado para a direcção oposta. Existem três ângulos possíveis para este modelo: uma inclinação ligeira, uma inclinação que varia entre os 30 e os 45 graus ou uma inclinação acentuada. O aspecto geral é uma árvore que parece ter sido fustigada por ventos ou uma forte tempestade.

 

Bonsai Hokidachi – Vassoura

Hokidachi – Vassoura

Um estilo clássico dos bonsai, mas extremamente difícil de conseguir, recebeu o seu nome das tradicionais vassouras japonesas. O seu tronco direito suporta uma copa de ramos finos que criam um efeito aberto, uniforme e muito bonito.

 

Kengai – Tronco Projectado Para Baixo / Da Borda da Bandeja

 

Bonsai Kengai – Cascata

Kengai – Cascata

Neste estilo, o ramo principal do bonsai, ou até mesmo o tronco, está adestrado para crescer verticalmente, para depois ser direccionado para baixo. A apresentação final é um bonsai “descaído”, abaixo do bordo do vaso, o que lhe confere o ar de uma árvore de montanha que suporta condições climatéricas adversas como a neve ou o vento forte.

 

Bonsai Han-Kengai – Semi-cascata

Han-Kengai – Semi-cascata

Uma derivação do modelo anterior, neste bonsai apenas um dos ramos (normalmente o mais baixo) encontra-se abaixo do bordo do vaso. O tronco mantém-se vertical, com uma ligeira inclinação.

 

Bonsai Bunjin – Literati

Bunjin – Literati

“Literati” é a palavra latim para “pessoas letradas” e este modelo de bonsai, elegante e irrepreensível, é inspirado nos quadros dos estudiosos “wenjen”, que os japoneses traduziram para “bunjin”. O tronco deste modelo, encontrado principalmente nas costas ou em áreas onde as árvores crescem em direcção à luz, está marcado por várias curvas.

 

Troncos Compostos

 

Bonsai Sokan – Tronco duplo

Sokan – Tronco duplo

Tal como o próprio nome indica, este bonsai desenvolveu dois troncos a partir das mesmas raízes, dividindo-se logo a partir do solo ou mais acima, a partir do tronco. No entanto, um dos troncos mantém-se predominante.

 

Bonsai Kabudachi – Tronco múltiplo

Kabudachi – Tronco múltiplo

Semelhante ao estilo anterior, este bonsai apresenta vários troncos, desenvolvidos a partir das mesmas raízes e normalmente logo a partir do solo. Como cada tronco procura a sua própria fonte de luz, estes estendem-se em várias direcções, mas o conjunto revela-se muito harmonioso.

 

Bonsai Yose-Ue – Bosque ou floresta

Yose-Ue – Bosque ou floresta

O nome diz tudo e este bonsai é, na realidade, um conjunto de bonsai, propositadamente plantados em grupo (por norma em número impar), para criar o efeito espectacular de uma floresta em miniatura.

 

Raízes

 

Bonsai Neagari – Raízes expostas

Neagari – Raízes expostas

Formal ou informal, este bonsai tem o tronco recto com ramos alongados, estendendo-se, horizontalmente, para além do próprio vaso. O destaque vai, porém, para as raízes expostas, que conferem um ar de solidez e de resistência às inundações ou erosões do solo que parecem ter colocado as suas raízes a nu.

 

Bonsai Ishitsuki – Raízes sobre a rocha

Ishitsuki – Raízes sobre a rocha

Este modelo é consistente com as árvores que crescem nas falésias ou montanhas, simplesmente agarradas às rochas – tanto até, que também as raízes ficam expostas sobre a rocha e não escondidas debaixo de terra como é habitual.

A sua votação: 
Average: 4.8 (518 votos)